Prefeitura de Afogados iniciou vacinação de pessoas com comorbidade

alternative text for the liked image

A Prefeitura de Afogados da Ingazeira está usando as doses recebidas está semana da vacina Astrazeneca para iniciar a vacinação de pessoas com comorbidades.

Gestantes de alto risco estão sendo vacinação no centro de saúde da mulher. Os pacientes que vivem com HIV estão sendo vacinados no centro de testagem e aconselhamento, próximo à rodoviária.

As demais comorbidades deverão entrar no site https://afogadosdaingazeira.imunizape.com.br

se cadastrar e fazer o agendamento. Com exceção dos acamados ou com mobilidade reduzida, que serão vacinados em casa, os demais serão vacinados em sua UBS de acordo com data e horário do agendamento realizado.

Todos precisarão comprovar a comorbidade no ato da vacinação. O cadastro da UBS será consultado e uma ficha será preenchida para efeito de comprovação. A única exceção são os pacientes com síndrome de down.

Confira as faixas etárias e as comorbidades:

De 18 anos a 59 anos

➡️ Síndrome de Down
➡️ Hemodiálise
➡️ HIV
➡️ Obesidade mórbida
➡️ Gestante com comorbidade
➡️ puérpera com comorbidade
➡️ Pessoas transplantadas

DE 55 A 59

➡️ Diabetes Mellitus
➡️ Asma de forma grave
➡️ DPOC ( Doença pulmonar obstrutiva crônica)
➡️ Hipertensão Arterial Grave
➡️ Infarto agudo do miocárdio
➡️ Insuficiência Cardíaca
➡️ Doenças cardíacas
➡️ Acidente vascular cerebral ( AVC)
➡️ Insuficiência Renal Crônica
➡️ Anemia Falciforme
➡️ Cirrose Hepática

Miguel Coelho se reúne com presidente nacional do MDB

Os caminhos do MDB no debate público de Pernambuco foi o principal ponto discutido pelo prefeito Miguel Coelho em reunião com o presidente nacional da legenda, o deputado federal Baleia Rossi. O encontro ocorreu, nesta terça (04), em Brasília, e teve a participação do senador Fernando Bezerra e do líder dos emedebistas na Câmara, deputado Isnaldo Bulhões.
Miguel reforçou as ideias que levou recentemente ao presidente do MDB em Pernambuco, Raul Henry. O prefeito de Petrolina defende o protagonismo da tradicional legenda no cenário político estadual e um projeto para unir lideranças para a reconstrução do Estado que vive um processo prolongado de desgaste econômico.
“O MDB é um dos maiores partidos do Brasil. Conversei com os deputados Baleia, Isnaldo e o senador Fernando sobre a necessidade de Pernambuco ser discutido e reconstruído. Precisamos unir as forças políticas, prefeitos, parlamentares, acadêmicos, trabalhadores, para mostrar um caminho de recuperação para um Estado que está falido e agora andando para trás. É fundamental que nosso partido, pela sua história e importância, entre nesse debate, apresentando propostas para um Pernambuco mais forte”, relatou Miguel depois da reunião com as lideranças emedebistas.

Percorrendo Exu, Trindade e Ouricuri, Eriberto Medeiros lança escola de líderes no Sertão do Araripe

O presidente da Assembleia Legislativa de Pernambuco, deputado Eriberto Medeiros (PP), acompanhou a sessão ordinária da Câmara Municipal de Ouricuri, na noite desta terça-feira (04/05), arrematando o lançamento do projeto Lideralepe no Sertão do Araripe. Ao lado do deputado estadual da terra Antônio Fernando (PSC), Eriberto também percorreu os municípios de Exu e Trindade, visitando as câmaras e apresentando a iniciativa da escola de líderes, que já conta com mais de 1200 pessoas inscritas.

Na sessão da Câmara de Ouricuri, estiveram presentes o deputado Antônio Fernando, o presidente da Casa, vereador Iran Severo, a vice-prefeita Gildevania Melo, diversos vereadores, além do comandante do 7º Batalhão de Polícia Militar, Tenente-coronel Ivanildo, entre outras lideranças. “Estamos felizes pela recepção calorosa à nossa iniciativa. Temos certeza de que todos os vereadores e atores políticos compreenderam bem demais o nosso propósito de qualificar e melhorar a política. Esse amadurecimento da classe política só é possível com muito esforço e união. Vamos seguir trabalhando com muita dedicação para que esse sentimento de união se fortaleça”, afirmou o presidente Eriberto Medeiros.

Realizando uma agenda inédita de aproximação com casas legislativas do interior do Estado, Eriberto Medeiros começou a terça-feira visitando a Câmara do Exu, onde conclamou o presidente, vereador Jurandir Carvalho, a mobilizar a população a participar do curso de desenvolvimento de lideranças. O deputado aproveitou para conhecer o Museu do Gonzagão, onde estão guardadas as memórias do rei do Baião, Luiz Gonzaga, firmando compromisso de lutar pela valorização do espaço.

O projeto também foi lançado na Câmara de Trindade, na parte da tarde, onde Eriberto foi recebido pelo presidente da Câmara, Serra Branca, pela prefeita, Helbe Rodrigues, todos os vereadores e servidores. O Lideralepe é uma escola de líderes da Assembleia Legislativa com o intuito de formar novas lideranças em diversos segmentos da sociedade. A iniciativa já foi lançada em Serra Talhada, Petrolina, Petrolândia, Caruaru, Carpina, Palmares, Limoeiro e Arcoverde. Nesta quarta-feira, chega ao Sertão Central, na Câmara de Salgueiro.

Paulo Gustavo morre de Covid no Rio, aos 42 anos

Por G1 Rio

O ator e humorista Paulo Gustavo, um dos artistas mais populares e admirados do país, morreu nesta terça-feira (4), aos 42 anos, vítima de Covid-19. Criador de Dona Hermínia e de outros personagens inesquecíveis no teatro, na TV e no cinema, ele estava internado desde 13 de março no Hospital Copa Star, em Copacabana, na Zona Sul do Rio.

O quadro de saúde de Paulo Gustavo piorou na noite de domingo (2), quando sofreu uma embolia pulmonar. Antes, ele vinha apresentando melhoras significativas – chegou a ter redução de sedativos e bloqueadores e a interagir com médicos e com o marido, Thales Bretas.

Nesta terça, um novo boletim informou que o ator estava com quadro irreversível, mas mantinha os sinais vitais. Às 21h12, no entanto, foi constatada a morte do ator.

O G1 apurou que a direção do Theatro Municipal do Rio ofereceu o espaço para o velório do ator. Mas, até a última atualização desta reportagem, não havia confirmação oficial sobre o local ou o horário da cerimônia.

Com um estilo de humor acessível, baseado em cenas familiares e cotidianas, Paulo Gustavo conquistou o Brasil e teve uma trajetória de enorme sucesso, em produções como o campeão de bilheteria “Minha mãe é uma peça: O filme” (2013), que rendeu duas continuações. Lançado em 2019, o longa mais recente da triologia se tornou a comédia com maior público da história do cinema nacional.

Paulo Gustavo deixa o marido, Thales, e dois filhos pequenos, Gael e Romeu, além do pai, Júlio Marcos, da irmã, Juliana Amaral, e da mãe, Déa Lúcia Amaral, que inspirou a criação de Dona Hermínia.

Durante os mais de 50 dias de internação do ator, a família compartilhou o dia a dia do tratamento e fez pedidos de oração.

Em reunião com ministro Gilson Machado, Miguel Coelho discute investimentos para 15 praças e empreendimentos turísticos

Em agenda na capital federal, o prefeito Miguel Coelho se reuniu, nesta terça (04), com o ministro do Turismo, Gilson Machado. O encontro foi promovido para tratar de recursos destinados à oferta de espaços de lazer e de empreendimentos a fim de atrair mais turistas ao município sertanejo.

O Ministério do Turismo e a Prefeitura de Petrolina têm dois convênios formalizados. Um deles é para a requalificação de 15 praças públicas. A verba já está garantida e o município deve iniciar a licitação das obras ainda neste semestre. O outro convênio é para a revitalização do Centro de Convenções, que deve começar em 2022.Miguel também falou com o ministro sobre a intenção de potencializar a rede hoteleira e firmar parcerias com o Ministério do Turismo com o objetivo de atração de resorts e outros empreendimentos. “Petrolina tem enorme potencial turístico. Infelizmente, com a pandemia, esse foi um dos setores mais prejudicados da economia. É o momento de discutir como recuperar o segmento e ampliar investimentos. Por isso, pedi apoio ao ministro Gilson Machado, que se comprometeu a colaborar para fazer nossa cidade expandir a rede hoteleira e instalar novos empreendimentos para recepção de turistas”, disse Miguel após o encontro.

O prefeito de Petrolina também visitou os ministérios da Educação e de Desenvolvimento Regional, além da Codevasf para destravar recursos para obras estruturantes. Miguel continua em Brasília nesta quarta (05), quando terá outra rodada de reuniões.

28 casos positivos de Covid-19 registrado nesta terça-feira em Afogados da Ingazeira

A Prefeitura de Afogados da Ingazeira informa que nesta terça (04) foram registrados 28 casos novos para a COVID – 19. Desses, 01 já estava em investigação.

São 14 pacientes do sexo feminino, com idades de 01, 08, 16, 19, 21, 21, 31, 39, 42, 45, 47, 66 (2 doses), 69 (2 doses), 77 anos (02 doses); e 14 pacientes do sexo masculino, com idades de 02, 06, 19, 28, 29, 29, 34, 36, 42, 51, 53, 55, 55 e 56 anos. Entre as mulheres: 02 aposentadas, 07 agricultoras, 02 estudantes (01 rede pública e 01 rede privada), 02 menores e 01 profissional da saúde. Já entre os homens: 04 agricultores, 02 estudantes (rede pública), 03 profissionais da segurança, 01 recepcionista, 01 comerciante, 01 menor, 01 gesseiro e 01 pedreiro.

Hoje, 01 mulher, de 25 anos, entra como novo caso em investigação.
75 pacientes apresentaram resultados negativos para COVID – 19.

Nesta terça, 09 pacientes apresentaram cura após avaliação clínica e epidemiológica. O município atingiu a marca de 3.784 pessoas (94,38 %) recuperadas para covid-19. Atualmente, 172 casos estão ativos.

Afogados atingiu a marca de 15.954 pessoas testadas para covid-19, o que representa 42,81% da nossa população.

Casos leves x SRAG/covid- 19:
Leves (3.879 casos), 96,75%
Graves (130 casos), 3,25%.

Com trabalho em evidência na área de sustentabilidade, Geraldo Julio é escolhido enviado especial para a América Latina do ICLEI

Devido ao relevante trabalho que vem desenvolvendo à frente da presidência do ICLEI (Governos Locais pela Sustentabilidade) na América do Sul, o secretário de Desenvolvimento Econômico de Pernambuco, Geraldo Julio, também passa a ser o enviado especial para a América Latina da Rede internacional ligada à Organização das Nações Unidas (ONU). Ou seja, ele representará ainda o México e toda a América Central. O nome de Geraldo foi confirmado no novo posto, na tarde desta segunda-feira (12/04), durante a reunião remota do Conselho Global do ICLEI. O encontro também oficializou o novo presidente global da rede, Frank Cownie, prefeito de Des Moines (EUA).

“Eu tenho o prazer de ser o enviado especial para a América Latina junto com todos os integrantes da América do Sul e América Latina para que a gente some esforços e unifique o discurso de redução das emissões e enfrentamento a essa emergência climática que o planeta vive e, também, que haja projetos implantados em toda essa região. Trabalhamos sempre com o compromisso/ação e a gente quer chegar muito forte para a COP26 (Conferência das Partes da ONU, prevista para acontecer em novembro deste ano, em Glasgow, na Escócia) com a voz regional de todos os governos locais, somados aqui na América Latina. Então, só tenho que agradecer essa oportunidade”, destaca.

Geraldo Julio ainda faz questão de fazer um balanço positivo do trabalho realizado como presidente do ICLEI América do Sul. “Temos hoje colaboradores trabalhando nos quatro escritórios da América do Sul, sendo um do regional e os demais no Brasil, na Argentina e na Colômbia. Ter essa organização em três países é uma conquista grande. Temos hoje 81 associados ao ICLEI América do Sul em sete países. Já são 20 projetos concluídos, implantados. Nesse momento, temos quatro projetos disponíveis para todos os associados aqui do ICLEI América do Sul. Todos com o objetivo de aumentar a ambição e de fortalecer o compromisso/ação”, afirma.

O gestor enfatiza o quanto é importante unificar esse discurso. “Queremos sempre, sim, fortalecer o debate internacional. Desejamos intensificar as ações concretas de redução das emissões. Queremos que todo mundo possa ter o seu inventário, o seu plano local; e as cidades e os governos locais poderem contribuir para a redução das emissões efetivamente. Então, buscamos projetos implantados e o fortalecimento do compromisso político”, completa.

Na semana passada, Geraldo Julio foi indicado ao Prêmio The Earthshot Prize, concedido pela The Royal Foundation of the Duke and Duchess of Cambridge, instituição social da realeza britânica comandada pelo príncipe William e a duquesa de Cambridge, Kate Middleton. O título é dado a lideranças relevantes na missão de restaurar e transformar o planeta na próxima década. O nome de Geraldo Julio foi indicado pelo ICLEI América do Sul, pelas diversas ações e políticas públicas implantadas na área de sustentabilidade e mudança climática quando era prefeito do Recife, assim como pela forma que vem se posicionando no que considera prioritário para o desenvolvimento sustentável nas cidades. O anúncio acontecerá em cerimônia a ser realizada em Londres (Inglaterra), em outubro de 2021, e os vencedores receberão um milhão de libras (quase R$ 8 milhões) a serem aplicadas em projetos ambientais e de conservação.

CPI da Covid: Mandetta afirma que isolamento era ‘adequado’ e confirma discordância com Bolsonaro

Por Renato Machado, da Folhapress

Em depoimento à CPI, o ex-ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta afirmou que as políticas de isolamento social eram “adequadas” para aquele momento da pandemia -entre os meses de março e abril.

“Adequado por causa do índice de transmissão do vírus. O vírus era muito competente. Nós estamos com um sistema que não tinha naquele momento condição de responder”, afirmou o ex-ministro.

Mandetta também afirmou que alertou o presidente Jair Bolsonaro e outros ministros sobre a importância da política de isolamento social e confirmou que houve discordância. “Todas as recomendações as fiz, com base na ciência, a vida e a proteção. Eu as fiz nos conselhos de ministros e diretamente ao presidente”.

O ex-ministro afirma que chegou a escrever uma carta em defesa do isolamento ao presidente, que foi entregue em uma reunião com outros ministros no Palácio do Alvorada. “Era muito constrangedor para um ministro da Saúde explicar que o ministro da Saúde estava indo por um caminho e o presidente por outro”, afirmou.

Paulo Câmara anuncia medidas para a população em situação de vulnerabilidade

O governador Paulo Câmara anunciou, durante pronunciamento nesta terça-feira (04.05), a destinação de R$ 8 milhões para fortalecer ações do Sistema Único de Assistência Social (SUAS) em todos os municípios do Estado. O sistema possui o objetivo de garantir proteção social a indivíduos, famílias e à comunidade no enfrentamento de vulnerabilidades, com a prestação de serviços, programas e projetos. De acordo com o governador, o recurso será repassado pela Secretaria de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude em duas parcelas, a primeira ainda neste mês de maio, e a segunda em junho.

Pernambuco conta atualmente com 329 Centros de Referência de Assistência Social (CRAS), além de 187 unidades dos Centros de Referência Especializados de Assistência Social (CREAS) em todo o Estado. Mesmo durante a pandemia do novo coronavírus, somados os programas de proteção e atendimento, em estimativa calculada até a metade do ano passado, esses serviços haviam contemplado cerca de 570 mil famílias.

O governador também anunciou o início da distribuição do cartão Vem Social, que dá acesso gratuito ao transporte coletivo para pessoas que ficaram desempregadas durante a pandemia. “Cada cartão é carregado com 20 passagens por mês e vai facilitar o deslocamento dos trabalhadores em busca de recolocação profissional. São duas medidas sociais relevantes, dentro desse cenário de crise econômica provocada pela pandemia, para a população pernambucana”, afirmou Paulo Câmara. Essa quantidade é calculada tomando como referência o Anel A, mas o usuário poderá utilizar qualquer um dos anéis do sistema de transporte.

Podem receber o benefício trabalhadores que perderam o emprego entre 20 de março de 2020 e 22 de março de 2021, que ganhavam até dois salários mínimos e que tiveram vínculo empregatício por pelo menos seis meses antes da dispensa. Para ter direito, é preciso ainda ser residente em um dos 14 municípios da Região Metropolitana do Recife (RMR). A iniciativa deverá contemplar até 20 mil pessoas por mês. O cadastramento pode ser realizado pelo site www.vemsocial.pe.gov.br. Até o momento, foram mais de 6,7 mil inscritos no programa.

Programa discute trânsito nas cidades e suas alternativas

Como parte da programação do Maio Amarelo, movimento que busca despertar a atenção da população para sinistros nas estradas, a Escola Pública de Trânsito (EPT) do Departamento Estadual de Trânsito de Pernambuco (Detran-PE), realizou na manhã de hoje (4), o primeiro encontro de 2021 do programa Professor Amigo do Trânsito (PAT). A reunião, em formato on-line por causa das restrições devido à Covid-19, contou com 44 integrantes e refletiu sobre “Automóvelcracia”, texto do escritor Eduardo Galeano.

O grupo, formado por representantes de prefeituras municipais pernambucanas, discutiu pontos chaves do transporte público, como: que cidade queremos? O transporte individual motorizado é a melhor opção? Existem alternativas? O programa Professor Amigo do Trânsito consiste na formação de uma rede de colaboração nas escolas públicas municipais para estimular o trabalho dos professores que atuam em sala de aula do ensino fundamental, com ações que desenvolvam educação para o trânsito no Estado.

Segundo o diretor-presidente do Detran-PE, Roberto Fontelles, o Professor Amigo do Trânsito atende ao artigo 76 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB), que determina a abordagem do tema trânsito em todas as idades e modalidades da educação. O programa já alcançou 684.910 alunos entre os anos de 2016 e 2019. Para o desenvolvimento do PAT, a Coordenadoria de Educação para o Trânsito do Detran-PE disponibiliza apoio aos professores, como capacitações e materiais didáticos.

O gerente da EPT do Detran-PE, Ivson Correia, esclarece que as ações estão focadas em versões digitais como respeito às normas de distanciamento. Além disso, informa que todos os atos integram uma “corrente amarela do bem”, com a finalidade de gerar engajamento, participação e maior conscientização da sociedade.