Home » Pernambuco » Prefeitura do Recife inaugura novo CRAS na Mustardinha

Prefeitura do Recife inaugura novo CRAS na Mustardinha

O equipamento vai atender famílias em situação de vulnerabilidade social dos bairros da Mustardinha e de Afogados

O Recife passa a contar com um novo Centro de Referência de Assistência Social (CRAS), no bairro da Mustardinha. O equipamento, que está localizado na Rua Eudoro Pires, n° 50, recebeu um investimento de R$ 1,7 milhão e deverá atender cerca de mil famílias por mês, tanto do próprio bairro onde está localizado quanto de Afogados. O CRA é a principal porta de entrada do Sistema Único de Assistência Social (SUAS), acolhendo as pessoas em situação de vulnerabilidade social em suas mais diversas necessidades.

“Hoje é um dia especial, em que não apenas temos o CRAS Mustardinha entregue, mas muito bem construído. Aqui temos um equipamento de primeira qualidade, além do serviço que será ofertado, que vai transformar a qualidade de vida dos moradores. Temos a oportunidade de fazer diferente pelo Recife e esta entrega é a representação disso”, afirmou o prefeito João Campos durante a entrega do equipamento nesta quinta-feira (13).

O CRAS Mustardinha tem 337,90m², 10 salas, 5 banheiros e uma área de convivência externa. Ao todo, 18 profissionais vão atuar no local. O térreo disponibiliza uma recepção, uma sala de atendimento do Cadastro Único para Programas Sociais, uma sala multiuso para atividades coletivas, uma sala para atendimento particularizado, uma outra para a equipe do setor administrativo, um banheiro masculino, um banheiro feminino e um outro banheiro com acessibilidade para pessoas com deficiência. Além de um depósito e um almoxarifado.

No piso superior, há mais uma sala multiuso para atividades coletivas, uma outra para atendimentos particularizados, um ambiente para a equipe do Serviço de Proteção e Atendimento Integral à família (PAIF), uma sala para o Serviço de Convivência e Fortalecimento de vínculos (SCFV) e Primeira Infância no SUAS, uma sala de arquivos, dois banheiros para os profissionais da casa, uma copa e uma área de serviço.

“A entrega do CRAS Mustardinha é muito importante, uma vez que vai atender a comunidade não só da Mustardinha, mas também de Afogados. Essa entrega faz parte de um conjunto de ações de requalificação e ampliação da rede da assistência social no Recife. Hoje, a gente completa 15 CRAS na cidade, para atender principalmente as pessoas que estão em situação de vulnerabilidade e risco social. Este também é o primeiro CRAS que estamos construindo realmente com as especificidades necessárias para o atendimento. Trata-se de uma priorização da gestão do prefeito João Campos com o objetivo de qualificar e melhorar o atendimento da população mais vulnerável da cidade”, comentou a secretária de Desenvolvimento Social, Direitos Humanos, Juventude e Políticas sobre Drogas, Ana Rita Suassuna.

Maria Leonícia, 65, é moradora da Mustardinha e comemorou a inauguração do novo equipamento. “Esse CRAS tem uma importância muito grande para toda a comunidade. Muitas pessoas não têm muita informação sobre como acessar os serviços e aqui elas terão uma assistência, em todos os setores, para melhorar o padrão de vida. Acho que era algo que realmente estava faltando por aqui, foi uma benção para todos os moradores”, disse ela.

Em relação a equipe, o CRAS Mustardinha conta com o trabalho e a dedicação de um chefe de setor, dois agentes administrativos, quatro assistentes sociais, uma educadora social do Serviço de Proteção e Atendimento Integral à Família (PAIF), um educador da Primeira Infância no SUAS, dois artistas educadores do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV), cinco porteiros e dois auxiliares de serviços gerais.

CRAS – O Recife conta agora com 15 equipamentos do tipo, que são responsáveis pela organização e oferta de serviços da Proteção Social Básica nas áreas de vulnerabilidade e risco social. Além de oferecer serviços e ações de proteção básica, o CRAS tem a função de gestão territorial da rede de assistência social básica, promovendo a organização e a articulação das unidades a ele referenciadas e o gerenciamento dos processos nele envolvidos. Uma das principais atividades do CRAS é o Serviço de Proteção e Atendimento Integral à Família (PAIF).

O PAIF consiste no trabalho social com famílias, de caráter continuado, com a finalidade de fortalecer a função protetiva delas, prevenir a ruptura dos vínculos, promover o acesso aos direitos, a benefícios, programas de transferência de renda e serviços socioassistenciais, contribuindo para a inserção das famílias na rede de proteção social de assistência social e para a melhoria da qualidade de vida. Por meio de ações de caráter preventivo, protetivo e proativo, o trabalho social do PAIF promove também ações culturais para o cumprimento de seus objetivos, de modo a ampliar o universo informacional e proporcionar novas vivências às famílias usuárias do serviço.

Fotos: Rodolfo Loepert/ Prefeitura do Recife


Subscribe
Notify of

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments