Home » Sem categoria » Secult-PE/Fundarpe lança série de vídeos no Youtube sobre Patrimônio

Secult-PE/Fundarpe lança série de vídeos no Youtube sobre Patrimônio

A Secult-PE/Fundarpe lança, nesta quarta-feira (21), o primeiro vídeo de uma série chamada “Escuta Patrimônio”, que vai trazer histórias sobre os bens materiais e imateriais de Pernambuco, contadas por quem viveu ou estudou. Na temporada de estreia do projeto, o tema é “Estações, Memórias e Afetos”, mostrando a malha ferroviária do Estado e ouvindo relatos de pernambucanos e pernambucanas sobre as lembranças que esse transporte traz. A proposta é receber e publicar novos vídeos até a 14ª Semana do Patrimônio Cultural de Pernambuco, que acontece entre os dias 16 a 24 de agosto. Link para o primeiro vídeo da série: youtu.be/1kIj6EZo2jI.

No primeiro episódio, disponível no canal www.youtube.com/secultpe, vamos conhecer a Estação Central do Recife, no bairro de São José, local que desde 2014 abriga o Museu do Trem/Estação Central Capiba. Esse espaço traz saudosas lembranças para o aposentado Waldomiro Alves. Seu Waldomiro foi ferroviário e trabalhou por anos como caldeireiro na empresa concessionária das estradas de ferro do Estado. Também ouvimos o historiador André Cardoso, que trabalha no Museu do Trem. Ele explica como surgiu e se desenvolveu a Estação Central e conta sobre a importância de preservar nossos bens materiais.

COLABORATIVO – O “Escuta Patrimônio” está sendo desenvolvido pela Gerência de Preservação do Patrimônio Cultural da Fundarpe e integra a programação da 14ª Semana do Patrimônio de Pernambuco, evento promovido pela Secult-PE/Fundarpe. A proposta da ação é contar com a colaboração de qualquer pessoa que tiver uma história ou memória afetiva dos bens que compõem a malha ferroviária do Estado. Para participar, basta mandar um vídeo contendo seu relato e imagens adicionais do espaço, estação ou trecho da estrada de ferro ou algum registro semelhante para o e-mail: semanapatrimonio@gmail.com. Mais informações: www.cultura.pe.gov.br.

“Estamos contando com a ajuda de prefeituras parceiras, que já começaram a enviar seus vídeos sobre as estações ferroviárias. Será muito importante que mais e mais pessoas também possam registrar suas memórias sobre esses equipamentos. Temos uma relação muito afetiva com tudo que envolve os trens”, conta Renata Echeverria, coordenadora da Semana do Patrimônio de Pernambuco.


Comente sobre

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *