Governador autoriza seleção para o Hemope com 142 vagas

O governador Paulo Câmara autorizou, nesta quarta-feira (13.01), em publicação no Diário Oficial do Estado, a realização de uma seleção pública simplificada com 142 vagas para a Fundação de Hematologia e Hemoterapia de Pernambuco (Hemope). Serão convocados 13 médicos, 71 profissionais de diversas outras categorias de nível superior e 58 de nível técnico. O edital com os detalhes do certame será publicado nos próximos dias.

“O Hemope é o primeiro hemocentro público do Brasil e completou, no último mês de novembro, 43 anos de existência. O órgão faz um trabalho indispensável para salvar a vida de pessoas que precisam de transfusão de sangue após alguma emergência, para cirurgias ou por motivo de doença, além de contar com hospital focado em doenças hematológicas. Com essa seleção, queremos reforçar o quadro de pessoal e qualificar esse serviço de excelência que é prestado a nossa população”, afirmou o secretário estadual de Saúde, André Longo.

Serão chamados nesta seleção médicos clínicos, intensivistas, anatopatologistas, do trabalho e hematologistas. Entre os profissionais de outras categorias de nível superior estão enfermeiro (assistencial e uteísta), assistente social, biomédico/farmacêutico, fisioterapeuta, farmacêutico, nutricionista, psicólogo e engenheiro de segurança do trabalho; e entre os de nível médio, técnicos de laboratório, enfermagem, enfermagem do trabalho e segurança do trabalho.

DOAÇÕES – Devido à pandemia, o Hemope vem apresentando uma queda nos estoques de bolsas de sangue que chega a 40%. Apenas no Hemocentro Recife, comparando o mês de dezembro com novembro de 2020, houve uma diminuição de 18,5% no quantitativo de doações. Por isso, a Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) reforça a importância do ato, que pode ser realizado a cada três meses por homens e a cada quatro por mulheres.

“Convocamos os pernambucanos saudáveis, entre 16 e 69 anos, a doar sangue ao Hemope. Cada doação pode ajudar até quatro pessoas com esse insumo que é insubstituível, e que não é produzido artificialmente ou comprado em farmácia. Só com o ato solidário de um doador podemos ajudar aqueles que precisam de transfusão”, lembrou Longo. O secretário destacou que a doação não prejudica a saúde do doador, que poderá realizar suas atividades normalmente após a ação.

Para doar sangue, a pessoa deve ter entre 16 anos e 69 anos e 11 meses (59 anos e 11 meses para a primeira doação). Os menores de 18 anos precisam da presença do responsável legal (pai ou mãe) e apresentação de xerox da identidade. É necessário ter mais de 50 kg, estar alimentado e em boas condições de saúde, além de apresentar um documento original, com foto (identidade, carteira de habilitação ou carteira de trabalho). Também é necessário respeitar os intervalos entre as doações de sangue, de três meses para homens e quatro meses para mulheres.

Por conta da pandemia da Covid-19, o Ministério da Saúde recomenda esperar 30 dias após a cura dos sintomas gripais para a doação de sangue. Para quem teve chikungunya, dengue ou zika, também é necessário esperar o prazo de 30 dias após a cura e a ausência total de sintomas (como as dores nas articulações) – no caso de dengue grave, são seis meses após a cura.

Existem, ainda, outras limitações que precisam ser observadas antes do procedimento:
• Vacinas: é necessário esperar o prazo de 48 horas após vacinar-se contra HPV, Influenza ou Tétano; e 30 dias – Febre Amarela e Tríplice Viral.

• Bebidas alcoólicas: é necessário esperar o prazo de 12 horas após a ingestão.

• Menstruação: a menstruação não impede a realização da doação. Mas é necessário levar em consideração algumas questões, a candidata que se encontra menstruada não pode estar sentindo cólica ou estar com fluxo intenso durante o período menstrual.

• Tratamento dentário: depende do procedimento realizado, o triagista avaliará.

• Gravidez e amamentação: é necessário aguardar até 90 dias após o parto normal e 180 dias após a cesariana. Se o parto ocorreu há menos de 12 meses ou amamentação não é exclusiva.  A mulher que está amamentando não pode doar sangue, a menos que o parto tenha ocorrido há mais de um ano.

Estão impossibilitados de doar sangue aqueles que fizeram endoscopia/colonoscopia ou cirurgia de grande porte nos últimos seis meses; fizeram tatuagem e micropigmentação de sobrancelhas nos últimos 12 meses, colocaram piercing (piercing na região genital e/ou oral só é permitido 12 meses após retirada do piercing); quem teve hepatite após os 11 anos de idade e quem está em tratamento médico e fazendo uso de medicação controlada.

AGENDAMENTOS – Em meio à pandemia, há a possibilidade dos doadores agendarem seus atendimentos em todos os hemocentros do Estado para evitar aglomerações. No Hemope Recife, o agendamento pode ser feito pelo número 0800.081.1535, e para ligações interestaduais, (81) 3182.4630. Já na sede de Caruaru, o agendamento é feito pelo (81) 3719.9569; em Serra Talhada tem a opção de marcar também pelo Whatsapp através do (87) 99930.8777 ou pelo telefone (87) 3831.9330. Em Garanhuns, também ocorre pela ferramenta Whatsapp, pelo (87) 98128.7133, ou no (87) 3761.8520. Para Petrolina, o número é (87) 3866.6601; em Salgueiro, (87) 3871.8569. Em Ouricuri, o número é (87) 3874.4890; e para Arcoverde, (87) 3821.8559.

João Campos visita TJPE e defende parceria com o Poder Judiciário

alternative text for the liked image

Por Blog da Folha

Recebido pelo presidente do Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE) Fernando Cerqueira e por desembargadores, o prefeito do Recife João Campos visitou a instituição no fim da manhã desta quarta-feira (13). Esta foi a primeira visita oficial ao TJPE depois da sua posse, e é a segunda de uma série de visitas oficias que o gestor municipal vai realizar ainda neste primeiro semestre de 2021. Na ocasião, ele falou da importância da parceria entre as instituições em prol da população do Recife.

“Tenho certeza que essa instituição que completará 200 anos e que nunca faltou a Pernambuco e ao Recife, vai ser uma parceira importante da população da nossa cidade. Todas as gerações vivas hoje estão sendo impostas ao maior desafio já vivido, de poder superar uma pandemia, que vai muito além dos desafios da saúde, pois temos problemas de ordem econômica, social, tantas outras, da área produtiva, o trabalho remoto que virou uma realidade. Isso cobra das instituições muita responsabilidade. Por isso, venho aqui hoje, para externar o meu compromisso de que a gente possa colocar a Prefeitura do Recife à disposição do Tribunal, para que o Tribunal precisar, para expandir as suas atividades, para garantir o bom exercício da atividade judiciária e democrática na nossa cidade, e que a gente possa fazer parcerias para projetos inovadores” comentou o prefeito na ocasião.

Já o Presidente do TJPE Fernando Cerqueira falou da sua alegria de receber o gestor municipal na casa: “Vossa Excelência aqui é muitíssimo bem acolhido por todo o Tribunal de Justiça, representado aqui pelos desembargadores. Quero dizer que em nome do Poder Judiciário de Pernambuco nós nos sentimos honrados pois, com a sua posse, esta é a primeira visita oficial que Vossa Excelência defere ao Tribunal de Justiça de Pernambuco. Aqui como casa de justiça, nós realizamos um trabalho em prol da sociedade, da paz social, e estamos também presentes, de mãos dadas, com o Poder Público, seja ele em qual esfera for, para que nós possamos realizar um trabalho em prol da nossa população. Desejamos uma administração exitosa, em todos os sentidos.”

Além do prefeito e do presidente do TJPE, participaram do encontro: a Procuradora-Geral do Recife Giovana Gomes, o Procurador-Geral do Estado Ernani Medicis e o secretário de Governo e Participação Social Carlos Muniz. Entre os membros do Tribunal, estiveram presentes os desembargadores Cândido Saraiva, Adalberto de Melo, Alberto Virgínio, Bartolomeu Bueno e Demócrito Reinaldo; além dos juízes assessores especiais da Presidência Fernanda Chuahy, Frederico Tompson, Isaias Neves e Márcia de Carvalho; e do Diretor de Comunicação Social Joezil Barros.

Grupo Americano vai investir R$ 3 bilhões no Complexo de Suape, em Pernambuco

Pernambuco está prestes a dar mais um passo estratégico rumo ao desenvolvimento econômico, acrescentando à sua matriz energética a operação de uma usina termelétrica de energia (UTE) à base de GNL (Gás Natural Liquefeito). O empreendimento, com investimento estimado de R$ 3 bilhões, será instalado na área do Complexo Industrial Portuário de Suape, e deverá gerar dois mil empregos, entre a construção e a operação. O projeto inclui ainda a instalação de um terminal de regaseificação em Suape, além da implantação de aproximadamente 8km de dutovias entre o terminal gás e a usina termoelétrica.

Estão à frente do empreendimento, a CH4 Energia – desenvolvedora de projetos no setor energético –  em sociedade com a empresa norte americana New Fortress Energy, fundada em 2014 e, atualmente, com um valor de mercado estimado em U$ 7,38 bilhões. A empresa atua em países como Jamaica, Porto Rico, México e Nicarágua nos ramos de transporte de Gás Natural Liquefeito (GNL), infraestrutura, terminais de regaseificação, usinas de energia e soluções em pequena escala. Também desenvolve atualmente um terminal de GNL na Irlanda, para fornecimento a clientes industriais.

Em média, 30% do investimento deverá sair do empreendedor e 70% virá de bancos de fomento. A previsão é que a usina entre em operação em novembro deste ano, ocupando uma área de 16,5 hectares dentro do Complexo de Suape, onde já possui licença prévia emitida pela Agência de Meio Ambiente de Pernambuco (CPRH).

Em dezembro de 2020, o Governo de Pernambuco e a CH4 Energia assinaram Protocolo de Intenções para viabilização do empreendimento.  A usina terá capacidade de geração de 1,3 GW – 30% mais que a hidrelétrica de Sobradinho – ao final da implantação do projeto, após realização de leilão de energia promovido pela Agencia Nacional de Energia Elétrica e Ministério de Minas e Energia, com previsão para ocorrer no primeiro semestre de 2021. Porém, com o acordo  de compra e venda de energia, de longo prazo, fechado com a Petrobras para iniciar a operação de duas térmicas de 144MW cada, totalizando capacidade de geração de 288MW, o projeto já tem viabilidade inicial para implantação em sua totalidade.

A térmica será abastecida por navio regaseificador de GNL, com capacidade de 21 milhões de metros cúbicos por dia, no Cais de Múltiplos Usos. A previsão é que a usina consuma 2,5 milhões de metros cúbicos ao dia, potencial que pode ser duplicado futuramente. O excedente de GNL poderá atender à rede da Companhia de Gás de Pernambuco (Copergás), empresa detentora dos direitos de distribuição de gás no Estado.

“Com a instalação da termelétrica em Suape, o Governo de Pernambuco também viabiliza um grande terminal de regaseificação para o Estado, oferecendo gás com preços muito mais competitivos às indústrias locais”, enfatizou o governador Paulo Câmara. “E com a nova lei do gás, que já se encontra na Alepe, um contingente muito maior de empresas poderia migrar para o mercado livre e se beneficiar do novo terminal, gerando um impulso de expansões e novos empreendimentos no Estado”, acrescentou.

O secretário de Desenvolvimento Econômico de Pernambuco, Geraldo Julio, destacou que o barateamento dos preços do gás em Pernambuco reduzirá os custos de produção, tornando as empresas locais mais competitivas. “Pernambuco aumentará expressivamente sua competitividade, graças a muita articulação e muito trabalho. Com a usina termelétrica, incluímos mais um elemento nesse pacote de infraestrutura do Estado, fortalecendo Pernambuco como um hub e aumentando consideravelmente a nossa competitividade nas últimas décadas”, afirmou.

Henrique Hézio reage bem a tratamento e pode receber alta na próxima sexta-feira

alternative text for the liked image

Por André Luis/Blog do Nill Júnior

O fisioterapeuta e odontólogo afogadense Henrique Hézio, tem reagido bem ao tratamento no Hospital Eduardo Campos (HEC), em Serra Talhada e tem previsão de alta para a próxima sexta-feira (15). A informação foi repassada pelo seu irmão Danilo Siqueira.

Henrique, foi acometido pela Covid-19 e após dar entrada, no último domingo (10), no Hospital Regional Emília Câmara (HREC), foi transferido logo em seguida para a unidade hospitalar em Serra Talhada.

Ele deu entrada no HREC com falta de ar, baixa saturação de oxigênio e dores no corpo.

Na segunda-feira (11), Henrique já apresentava melhora no seu quadro de saúde, segundo seu irmão Danilo, a saturação já havia aumentado, estava consciente e respirando através da máscara VNI.

Nesta terça-feira (12), Henrique passou por nova avaliação pulmonar, apresentando boa evolução e índice de obstrução pulmonar em queda.

O fisioterapeuta e odontólogo, é mais uma prova da imprevisibilidade da doença. Jovem e sem comorbidades, Henrique foi acometido pela forma mais grave da doença.

Prefeitura de Sertânia divulga programação do Circuito Live da Lei Aldir Blanc

alternative text for the liked image

A Prefeitura de Sertânia, por meio da Secretaria de Juventude, Esporte, Cultura e Turismo, inicia no próximo dia 30 de janeiro o Circuito Live. Um evento que reunirá cantores e grupos musicais contemplados com recursos da Lei Aldir Blanc no município. A ação segue até 10 de fevereiro e os shows serão transmitidos no canal Aldir Blanc Sertânia-PE, no YouTube.

No setor musical foram selecionados 26 projetos. Ao longo do ano de 2021 outros artistas sertanienses dos mais diversos segmentos contemplados com subsídios da lei também estarão realizando atividades culturais que alcancem a população. Ao todo, 80 inscritos foram agraciados em Sertânia com dinheiro da Lei Aldir Blanc.

A SEJECT lembra que todos os protocolos de segurança da Covid-19 serão cumpridos durante a realização das apresentações.

A Lei Aldir Blanc foi criada para garantir ações emergenciais destinadas ao setor cultural a serem adotadas durante o estado de calamidade pública ocasionada pela pandemia do novo coronavírus.

CONFIRA A PROGRAMAÇÃO COMPLETA:

SÁBADO (30/01/2021)

NICO BATISTA

MÁRIO E JÚNIOR

CORAÇÃO DE POETA

DOMINGO (31/01/2021)

SUPER RIFFES

ADRIANA NEVES

FORRÓ CASA DE TAIPA

SEGUNDA-FEIRA (01/02/2021)

ORQUESTRA MARAJOARA

EDY E NATHAN

TERÇA-FEIRA (02/02/2021)

CHAPÉU DE PALHA

QUARTA-FEIRA (03/02/2021)

LUCÃO QUINTETO

TERREIRO DO BILINA

QUINTA-FEIRA (04/02/2021)

CHICO ARRUDA

PEDRO SANTANA

SEXTA-FEIRA (05/02/2021)

BANDA NOVA VIAGEM

SÁBADO (06/02/2021)

ERICK LIMA

DEYBSON BALLA

JUNIOR BARÃO

DOMINGO (07/02/2021)

BRUNO LUIZ

LULA SANFONEIRO

JEISIANE ALMEIDA

SEGUNDA-FEIRA (08/02/2021)

PATCHOULLÍ

HEURES TAVARES

TERÇA-FEIRA (09/02/2021)

WALLISON VAQUEIRO

CORDELEZA

QUARTA-FEIRA (10/02/2021)

SAPECAS

MARIA HELENA

Ações de Meio Ambiente para Santa Cruz do Capibaribe são abordadas por Diogo Moraes, Fábio Aragão e Helinho Aragão na SEMAS

Nesta terça-feira (12), em reunião na Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade, Semas, o deputado estadual Diogo Moraes, o prefeito Fábio Aragão e o vice, Hélio Aragão, de Santa Cruz do Capibaribe, levaram demandas do município e solicitaram informações relacionadas a resíduos sólidos, abatedouro público e parques ambientais. Atentos às questões, os gestores municipais estão em buscas de parcerias com o Governo do Estado para realização de projetos importantes para a população e o Meio Ambiente local.

Inicialmente, Diogo Moraes falou dos principais problemas enfrentados nos últimos anos, a exemplo dos fechamentos do abatedouro público e do aterro sanitário de Santa Cruz do Capibaribe. “Uma cidade como a nossa, que tem mais de 100 mil habitantes, não poder contar com seu próprio abatedouro, seu próprio aterro, é muito difícil. Os custos para abater em outro município são altos para os marchantes e comerciantes. Os recursos da prefeitura que poderiam ser empregados melhor de outra forma, são usados no transporte do lixo para outra localidade. É preciso um olhar carinhoso para essa área ter melhorias significativas”, citou o parlamentar.

Para Fábio Aragão, prefeito que acaba de assumir a gestão, a ideia é realizar uma parceria para solucionar as questões, considerando as responsabilidades de Estado e Município. Fábio também solicitou apoio para implantação de Parques Florestais na cidade. Segundo o Secretário José Bertotti, será necessário juntar as equipes e realizar um diagnóstico, para, em seguida, formatar uma parceria que beneficie a população. O Secretário também destacou a importância de ensinar a população a questão da separação dos resíduos, que ajuda as prefeituras nos gastos com a coleta de lixo.

Ao término da reunião, ficou acertado entre os representantes do município e o gestor da pasta estadual que técnicos da Secretaria irão realizar uma visita ao município para verificar a situação das localidades fechadas, a fim de auxiliar e orientar a prefeitura na tomada de decisões. Também estiveram presentes na reunião o Secretário Municipal de Desenvolvimento Econômico, Marcelo Cumaru e o Chefe de Gabinete do prefeito, Eliel Antônio.

 

Belém de São Francisco: carnaval, casario histórico e a melhor manga do Estado

A 480 km da capital, às margens do Rio São Francisco, Belém de São Francisco preserva o charme da cidade do interior ao mesmo tempo que se coloca como uma das mais importantes regiões de fruticultura da manga em Pernambuco. Despertando a atenção dos visitantes pelas belezas naturais, a cultura – é de lá o boneco gigante mais antigo do Estado, o Zé Pereira – e a paisagem urbana neoclássica, o município convida ao aprofundamento em sua história a partir de passeios regados a muito banho de rio e da culinária que tem o bode e os peixes de água doce como destaque.

Para os que lá chegam, Belém oferece a possibilidade de diversão em passeios de barco e catamarã pelo Velho Chico, banhos à beira das praias fluviais, como a da Ilha Caxaiú, ou ainda nas bicas do Porto da Barra e do Tadeu.

Belém de São Francisco tem origem que remonta ao surgimento de Fazenda Canabrava nos idos de 1830, na divisa com Cabrobó. A cidade preserva a sua história no seu antigo casario, cujo conjunto arquitetônico remonta às vanguardas artísticas do século 19. Este legado pode ser apreciado nas Igrejas Nossa Senhora do Patrocínio e do Menino Jesus, e ainda no Museu Elísio Caribé. Já o Mercado Público ganhou o Brasil em cenas da novela global Senhora do Destino, que teve cenas gravadas na cidade.

“Belém de São Francisco é um município que tem um forte apreço cultural, além da sua importância como polo de fruticultura no Estado. O centenário de Zé Pereira foi um marco e quem nunca havia ouvido falar na cidade, soube que a tradição dos bonecos gigantes em Pernambuco nasceu em Belém. Levamos Zé Pereira e Vitalina para o Carnaval do Recife e fizemos uma bela festa. Além disso, a cidade conta com praias fluviais e ilhas no Velho Chico, que são um produto turístico de muito potencial”, comenta o secretário de Turismo e Lazer de Pernambuco, Rodrigo Novaes.

Culturalmente, Belém de São Francisco tem o período carnavalesco como sua principal festa e motivo de atração de visitantes. O desfile dos bonecos gigantes centenários Zé Pereira e Vitalina é a principal tradição desta folia. Conhece a expressão Sábado de Zé Pereira? Pois bem, se na capital é o Galo da Madrugada quem abre o Carnaval, na cidade, é o próprio Zé Pereira o dono da festa.

E no ano de 2019, ela foi ainda mais especial. Numa ação da Secretaria de Turismo e Lazer, Zé Pereira, acompanhado da sua Vitalina, foi responsável por abrir o Carnaval de Pernambuco. Uma semana antes, um evento em Belém marcou o início da “viagem” do casal famoso, culminando com a chegada no Recife, de catamarã, pelo mar, até o Centro Cultural Cais do Sertão. Um cortejo especial de mascarados de todo o Estado (papangus, caretas, caiporas) e de bonecos gigantes de Olinda aguardaram Zé Pereira para brincar a folia no Recife pela primeira vez. No ano de 2000, a festa se repetiu.

Entre outras tradições fortes, há também a malhação do Judas, o pastoril e as rodas de São Gonçalo. A gastronomia se destaca pelos pratos com peixes do São Francisco e o tradicional bode assado – com a oferta do bode seco ao sol -, além dos doces típicos do interior, como o doce de leite e sequilhos.

AÇÕES DE ESTRUTURAÇÃO DO TURISMO

Nos últimos dois anos, além do trabalho em torno da figura do Zé Pereira, o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Turismo e da Empetur, realizaram ações para identificar atrativos e capacitar o turismo em Belém e região das Ilhas e Lagos do São Francisco. A cidade foi sede de um dos seminários do programa Bora Pernambucar – Turismo de Canto a Canto, que reuniu o trade turístico e gestores municipais em encontro com o secretário Rodrigo Novaes. O evento mapeou os equipamentos e potencialidades das cidades com foco na interiorização do turismo.

Como resultado do encontro, foram oferecidos, no ano de 2020, cursos profissionalizantes para recepcionista, agente de informações turísticas e auxiliar de cozinha, em parceria com o IFPE. Ainda buscando capacitar a população para o turismo, foram realizados cursos de boas práticas em serviços de alimentação, condutor ambiental e cultural e de roteiros, em parceria com o Senac.

A cidade foi contemplada ainda com a Oficina Online sobre a Importância das Redes Sociais para o Turismo, ministrada pela Empetur, e ganhou destaque nas redes sociais do @descubrapernambuco e da Setur. Um dos momentos foi a participação na série Sabor Arretado, com o chef Henrique Lustosa ensinando aos internautas a receita do curioso Bolo de Manga com Calda de Maracujá.

Para o ano de 2021, o planejamento contempla mais ações de fortalecimento do destino para a interiorização do turismo, a exemplo da criação conjunta de roteiros turísticos integrados com outros municípios e ainda de divulgação e promoção. Será reforçada ainda a oferta de oficinas e de cursos para a melhora da prestação dos serviços turísticos.

PSB promete cobrar de Guedes fechamento de agências do BB e Tadeu Alencar dispara: “Mais uma irresponsabilidade”

A decisão do Governo Bolsonaro de fechar 112 agências do Banco do Brasil tem repercutido bastante no país e no mundo político. Partido de oposição ao presidente Jair Bolsonaro, o PSB prometeu convocar o Ministro da Economia, Paulo Guedes, para prestar esclarecimentos sobre a decisão, que deixará mais de 5 mil pessoas desempregadas.

“O nosso líder na Câmara, Alessandro Molon, vai realizar essa convocação para que Paulo Guedes se apresente e responda todos os questionamentos que temos sobre essa decisão, que é mais uma decisão irresponsável do Governo Bolsonaro”, comentou Tadeu Alencar, vice-líder da oposição na Câmara dos Deputados.

Tadeu tem uma carreira no Banco do Brasil na década de 80 e destacou o papel importante do BB na sociedade brasileira.

“Acompanho o papel de banco público do Banco do Brasil desde quando, nos anos 80, fui funcionário por quase 10 anos. É um Banco que tem um papel social determinante no financiamento da agricultura familiar e no crédito para os pequenos e médios negócios. Os lucros crescentes do Banco do Brasil demandariam um pouco mais de parcimônia nessa atitude drástica que atinge os pequenos municípios e de cambulhada ainda coloca 5.000 brasileiros e brasileiras na amargura do olho da rua, aumentando um desemprego avassalador de quase 15 milhões de pessoas”, lamentou Tadeu, antes de completar.

“Sou dos que acham que o Estado não deve ser máximo, nem mínimo, mas o Estado necessário. A pandemia mostrou isso: em determinadas circunstâncias e acerca de determinadas atividades a presença do Estado é essencial. A presença do Banco do Brasil, em especial nas cidades mais recônditas é feito a presença do juiz, do delegado, do professor, da igreja: é indispensável. Por isso que essa decisão, em plena crise sanitária, agudizando os nossos problemas sociais e econômicos, é mais uma irresponsabilidade, entre tantas, do Governo Bolsonaro”.

Em Pernambuco, Arthur Lira visita governador, prefeito e deputados e garante independência e altivez da Câmara dos Deputados

Candidato a presidente da Câmara dos Deputados, o deputado federal Arthur Lira (PP-AL) cumpriu agenda em Pernambuco, nesta quarta-feira (13), buscando ampliar o leque de apoios à sua postulação ao comando da Casa. O parlamentar visitou pela manhã com o governador Paulo Câmara (PSB) e o prefeito do Recife, João Campos (PSB), no Palácio do Campo das Princesas, e à tarde reuniu parte da bancada federal pernambucana em um almoço. O progressista destacou que, se eleito, sua gestão será democrática, vai ouvir todos os deputados e a Casa vai ter altivez e independência para pautar e votar temas de interesse da população brasileira. A eleição do novo presidente está marcada para o dia 1º de fevereiro.

“Estamos indo aos Estados para ouvir os deputados, conversar sobre os temas do Brasil, falar sobre o que vai acontecer administrativamente na nova gestão da Câmara dos Deputados e dar voz a todos os deputados. Nessas visitas, também estamos ouvindo dos governadores e prefeitos de capitais quais são as perspectivas e os gargalos, onde a Câmara dos Deputados e a presidência, com o respaldo dos deputados e seus líderes, podem influir para que os problemas do Brasil, em 2021, como o crescimento da nossa economia, o desenvolvimento das pautas sociais e as questões das reformas possam andar com tranquilidade e segurança no plenário da Casa”, afirmou Arthur Lira, em entrevista no Palácio do Campo das Princesas.

Arthur Lira garantiu que sua gestão à frente da presidência da Câmara será pautada pela transparência, por previsibilidade e independência. “Nem a Câmara tem dono, nem muito menos eu. Nós vamos votar o que for necessário e for importante para o País, apoiado por deputados e por partidos que acreditam nessa nova dinâmica de conduzir a Câmara dos Deputados”, sublinhou o candidato a presidente da Casa. O parlamentar enfatizou que a Câmara dos Deputados necessita resgatar o protagonismo, dando voz e vez aos demais deputados da Casa. “Os deputados precisam ter voz porque a população de cada estado elege os parlamentares para que represente o seu povo e as causas estruturantes de seus estados”, completou.

Para o deputado federal Felipe Carreras (PSB-PE), Arthur Lira reúne as melhores condições para proporcionar aos parlamentares exercerem seus mandatos na plenitude. “Vejo hoje Arthur Lira como o melhor candidato para presidir a Câmara, para fazer com que os deputados possam exercer os seus mandatos na plenitude, dando respostas à população. Eu não tenho dúvida de que pelo caminho que Arthur está percorrendo ele será o presidente da Câmara dos deputados para uma nova fase, um novo momento. Para respeitar a proporcionalidade, pra ter atenção e ter uma Câmara efetivamente para todos”, afirmou o pernambucano.

Integraram a comitiva de Arthur Lira durante visita a Pernambuco os deputados federais Felipe Carreras (PSB-PE), Fernando Monteiro (PP-PE), Eduardo da Fonte (PP-PE), Silvio Costa Filho (Republicanos-PE), André de Paula (PSD-PE), Sebastião Oliveira (Avante-PE), Tadeu Alencar (PSB-PE), Augusto Coutinho (Solidariedade-PE), Wolney Queiroz (PDT-PE), Bispo Ossesio (Republicanos-PE), André Ferreira (PSC-PE), Ricardo Teobaldo (Podemos-PE), Celina Leão (PP-DF), Celso Sabino (PSDB-PA), Luiz Miranda (DEM-DF), Artur Maia (DEM-BA), Dr. Luiz Antônio Teixeira (PP-RJ), Gustinho Ribeiro (Solidariedade-SE), Hiran Gonçalves (PP-RR), Jhonathan de Jesus (Republicanos-RR), Marcelo Ramos (PL-AM), Luiz Tibé (Avante-MG), André Fufuca (PP-MA) e Margarete Coelho (PP-PI); e os deputados estaduais Eriberto Medeiros (PP) – presidente da Assembleia Legislativa de Pernambuco -, Clovis Paiva (PP) e Henrique Queiroz Filho (PL).(Fotos: Bruno Campos\Divulgação)

Paulo Câmara reforça sistema prisional com entrega de novos veículos

O governador Paulo Câmara realizou, nesta quarta-feira (13.01), a entrega de 18 veículos que reforçarão a frota do Sistema Prisional de Pernambuco, que serão utilizados no transporte de reeducandos para apresentações em audiências e transferências entre estabelecimentos penais. Os automóveis, 16 vans e dois ônibus tipo xadrez, foram doados pelo Departamento Penitenciário Nacional (Depen/MJ), por meio do Fundo Penitenciário Nacional (Funpen), e serão destinados às unidades prisionais da Região Metropolitana e interior.

Paulo Câmara destacou que a aquisição dos novos veículos representa mais segurança para o sistema prisional, evitando, inclusive, o resgate de presos durante as escoltas. “Vai dar condições de ação e garantia do bom funcionamento do sistema, graças a essa parceria que foi feita com o Ministério da Justiça, e que hoje nos possibilita estar entregando os veículos à sociedade pernambucana”, disse o governador.

De acordo com o secretário estadual de Justiça e Direitos Humanos, Pedro Eurico, a iniciativa possibilitará uma economia financeira anual ao Estado de quase 50% nos contratos de veículos locados, o que representa cerca de R$ 720 mil. “A ação melhora a condição de trabalho dos nossos policiais penais, que terão veículos com mais segurança e conforto para suas atividades, e também para a comunidade que está privada de liberdade”, pontuou o secretário.