SECA É TEMA DE SESSÃO ESPECIAL NA ASSEMBLEIA

Por em 6 de novembro de 2012

Depois que o governador Eduardo Campos (PSB) pressionou o governo federal para realizar ações imediatas contra os efeitos da seca no estado, a Assembleia Legislativa de Pernambuco realizou, nesta segunda-feira (5), uma sessão especial para discutir o tema. A pedido do líder de governo, Waldemar Borges (PSB), os secretários de Agricultura, Ranilson Ramos, e de Recursos Hídricos, Almir Cirilo, foram à Casa para discutir os efeitos da estiagem no Agreste e no Sertão e cobrar, sutilmente, mais recursos do Ministério da Integração. Também participaram do evento representantes de diversas instituições como a Amupe (Associação Municipalista de Pernambuco), a Fetape, entre outras.

De acordo com Waldemar Borges, o objetivo do encontro é saber o que está sendo feito no enfrentamento imédiato. Ele destacou ainda que o problema mais grave são as dificuldades futuras. “Na semana passada,  sobrevoei regiões do estado com o governador e o cenário foi desolador. Não vimos animais mortos, o que chama atenção para a extinção do rebanho”, acrescentou. Na opinião dele, a maioria dos animais já morreram ou foram transferidos para outras áreas. Antecipando futuras críticas ao governo do estado, Waldemar saiu na defesa do governador. “O governo nunca se omitiu nem colocou nada debaixo do tapete. Sempre se preocupou em levar à discussão”,disse o socialista.

A deputada e relatora do tema na Casa, Isabel Cristina também ressaltou a preocupação com o pós-seca. Com base no relatório parcial, ela questionou o porquê de outros municípios, além dos já privilegiados, não foram contemplados com a transposição do Rio São Francisco.

O secretário Ranilson Ramos fez um balanço dos prejuízos com a seca. Segundo ele, 1,1 milhão de pessoas sofrem com o efeito do problema e a expectativa do governo do estado é que cerca de 800 mil animais morram de fome e sede.”Estamos entrando na pior fase da seca. O governo tomou uma decisão que convoca os conselhos municipais para capacitá-los”, afirmou, endossando a necessidade de trabalhar a infraestrutura para depois do período da estiagem.

Já de acordo com o secretário de Recursos Hídricos, Almir Cirilo, até o momento, o governo investe R$ 34 milhões do tesouro do estado em ações de curto prazo. Cirilo disse ainda que vai se reunir amanhã com Eduardo Campos para definir os novos recursos. “Não está sendo fácil, é um trabalho intenso. Ainda falta muita para fazer, mas se não tivéssemos feito o que já fizemos, seria pior” disse Cirilo destacando que os trabalhos começaram no governo de Miguel Arraes.

Comente sobre isto

IRMÃ DO ATACANTE HULK É SEQUESTRADA

Por em 6 de novembro de 2012
Angélica Vieira e o atacante da Seleção Brasileira

A polícia da Paraíba não tinha informações, até as 22h40 desta segunda-feira, sobre o paradeiro da irmã mais nova do atacante Hulk, da Seleção Brasileira. Angélica Aparecida Vieira, de 22 anos, foi sequestrada por volta das 14h, quando estava em frente a um restaurante em Campina Grande, terra natal do jogador e de toda a família dele, que reside no interior paraibano. Apesar da intensa movimentação na casa dos pais do jogador durante todo o dia, nenhum familiar do atleta quis conversar com a imprensa. O atacante foi o atleta mais caro do mundo na última janela de transferências no futebol europeu, custando R$ 143 milhões ao Zenit, da Rússia. Tal fato pode ter chamado a atenção dos bandidos.

No momento do sequestro, Angélica estava sozinha dentro do carro, estacionado em frente a um restaurante, no bairro do Catolé. Nutricionista, a irmã de Hulk tinha ido ao local em companhia do gerente do restaurante em que trabalha. Quando o gerente Hélio Pereira da Silva saiu do veículo e se ausentou por alguns instantes, Angélica foi abordada por homens armados que a retiraram do carro sob a mira de armas.

Ao tomar conhecimento do sequestro, Hélio entrou em estado de choque e precisou ser levado para o Hospital Pedro I, onde passou por exames, foi medicado e posteriormente liberado. As polícias Civil e Militar da cidade de Campina Grande estão mobilizadas para localizar a irmã do jogador. Até a noite de ontem, porém, a assessoria da PM mantinha a informação que os sequestradores ainda não haviam entrado em contato com a família para tratar do possível resgaste.

Comente sobre isto

ESCOLA ESTADUAL TOMÉ FRANCISCO É PREMIADA COMO ESCOLA REFERÊNCIA BRASIL 2012

Por em 5 de novembro de 2012

A Escola Estadual Tomé Francisco da Silva, situada no município de Quixaba, no Sertão pernambucano, foi a grande vencedora do Prêmio de Gestão Escolar (PGE) 2012. Com o resultado, a escola se consagra como Escola Referência Brasil em gestão escolar e experiências inovadoras na Educação, depois de disputar o título com outras 9.693 instituições de ensino. A premiação aconteceu no auditório do Ibirapuera, em São Paulo, na tarde desta segunda-feira (5).

Seis escolas chegaram à final do prêmio e receberam R$ 10 mil pela conquista, além de um diploma de Escola Destaque Nacional. A Tomé Francisco, por ter sido a primeira colocada, recebeu R$ 30 mil e o título de ”Escola Referência Brasil”.Como resultado de uma gestão inovadora, participativa e preocupada com o aprendizado de todos os alunos, a unidade se tornou referência na educação pública de Pernambuco, chegando a ser finalista do PGE no ano de 2008.

Pais envolvidos, equipe docente preparada e gestor atuante. Se houvesse um a fórmula para o sucesso pedagógico, o secretário de Educação, Anderson Gomes, não hesitaria em começar por esses três pontos. “A Tomé Francisco conseguiu, ao longo dos últimos anos, reunir professores, gestores e família em torno educação escolar. O comprometimento da comunidade escolar é indispensável. O sucesso acontece quando todos trabalham em equipe, em busca de bons resultados”, analisou Gomes.

Para o gestor da escola, Ivan Nunes, que atua no cargo há 13 anos, essa é uma vitória de toda a comunidade da escola. “Os pais têm muita parte nisso, sempre contamos com muito apoio da família”, festejou Ivan, após a premiação. “Estamos mostrando que, mesmo em uma comunidade carente, no Sertão nordestino, podemos fazer uma escola pública de qualidade”.

A qualidade da gestão escolar tem produzido ótimos resultados em sala de aula. No Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), aferido pelo Ministério da Educação (MEC), a Escola Estadual Tomé Francisco da Silva ficou entre as dez melhores do Brasil nos anos iniciais do ensino fundamental, com média 7.  O sucesso foi repetido no Índice de Desenvolvimento da Educação de Pernambuco (Idepe), promovido pela Secretaria de Educação com os mesmos métodos do Ideb. Com média 7,42 também nos anos iniciais, a escola foi a mais bem avaliada entre todas as escolas pernambucanas.

A unidade foi fundada em 1962, no vilarejo de Lagoa da Cruz, zona rural do município. De lá para cá, muita coisa mudou: hoje atende a cerca de 800 estudantes, do 1º ano do ensino fundamental, ao 3º ano do ensino médio, muitos deles já premiados com medalhas em competições como as Olimpíadas de Matemática e de Português.

PGE – OPrêmio Gestão Escolar visa melhorar o sistema educacional brasileiro, por meio de um processo formativo focado no ensino de qualidade com a participação da comunidade.Ele é realizado pelo Conselho Nacional de Secretários de Educação (Consed), em parceria com a Embaixada dos Estados Unidos; Fundação Roberto Marinho; Instituto Unibanco; Fundação SM, Fundação Itaú Social; Instituto Gerdau; Fundação Victor Civita; União Nacional de Dirigentes Municipais de Educação (Undime); Ministério da Educação (MEC); Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco); Centro de Estudos e Pesquisas em Educação, Cultura e Ação Comunitária (Cenpec) e Instituto Natura. (Fotos Ademar Filho)

Comente sobre isto

AS TENTAÇÕES DE EDUARDO CAMPOS

Por em 5 de novembro de 2012

A cúpula do PSB está dividida. Uma corrente, a mais cautelosa, acha que o governador Eduardo Campos deve trabalhar com a perspectiva de chegar ao Planalto só em 2018.

A outra ala, a que enxerga nele condições reais para entrar logo na briga, insiste que o neto de Miguel Arraes está “pronto” para 2014, ainda que a ousadia implique em desvincular-se de Lula e Dilma.

Pelo sim pelo não, a única senha entregue por Eduardo Campos aos correligionários é a de que falem à exaustão que ele está preparado para a corrida em qualquer cenário. (Poder Online)

Comente sobre isto

HUMBERTO JÁ ESTAVA ESCOLHIDO ANTES DAS PRÉVIAS, POR ISSO MAURÍCIO RANDS SAIU DO PARTIDO, DIZ FERNANDO FERRO

Por em 5 de novembro de 2012

 Em entrevista à Rádio JC/CBN na tarde desta segunda-feira (5), o deputado federal Fernando Ferro (PT) avaliou que o processo de prévias petistas realizado no primeiro semestre teria sido uma máscara. Para Fernando Ferro, o nome de Humberto já estava escolhido antes das desgastantes prévias.

“As prévias foram favas contadas. A decisão da nacional já estava negociada. O que a gente fez não ia mesmo dar em nada. Tudo o que aconteceu já estava programado. Isso justifica a saída de Maurício Rands do partido. Ele se sentiu usado. Rands pensava que as prévias eram “pra valer” e acreditava que iria ganhá-las.”, afirmou o petista.

“É uma avaliação que faço hoje. Naquele período nós não sabíamos, achávamos que iríamos reverter. Mas quando a gente é recebido na reunião da Nacional com deboche, com gracejos…”, refletiu. “Espero que a vitória do PT nacionalmente não mascare tudo o que aconteceu no Recife”, pontuou Fernando Ferro.

Comente sobre isto

VALÉRIO NÃO PRECISA DE PROTEÇÃO, DIZ PROCURADOR-GERAL

Por em 5 de novembro de 2012

O procurador-geral da República, Roberto Gurgel, afirmou nesta segunda-feira (5) que não há motivo para conceder proteção especial ao empresário Marcos Valério de Souza, considerado o operador do mensalão, pois ainda não há risco iminente de atentados contra a integridade física dele.

Gurgel disse que esse entendimento resulta da própria posição da defesa de Valério, manifestada em setembro passado, quando o advogado do empresário enviou um fax ao STF (Supremo Tribunal Federal) sobre tal fato.

“A notícia que me chegou dele [Marcos Valério] foi no sentido de que não havia ainda nada que justificasse uma providência imediata”, disse o procurador-geral. “Agora, se ele viesse a fazer novas revelações, aí sim, esse risco poderia se consubstanciar.”

Gurgel também afirmou que, se Valério quiser, pode fazer uma delação premiada em relação aos outros inquéritos que foram desmembrados e, eventualmente, ser beneficiado nestes inquéritos e não mais no julgamento do mensalão.

O procurador-geral está em Aracaju, onde participa do Encontro Nacional do Judiciário.

Comente sobre isto

PREFEITO DE CUSTÓDIA DIZ QUE DIVISÃO DO BLOCO GOVERNISTA ACARRETOU A VITÓRIA DO PT

Por em 5 de novembro de 2012

O prefeito de Custódia, Nemias Gonçalves (PSB), disse hoje no Recife que a divisão no seu bloco de forças acarretou a vitória do candidato do PT, José Carlos, que foi eleito vereador em 2008 na sua coligação, segundo o Blog de Inaldo Sampaio.

Segundo ele, o vice-prefeito Zezito Moura (PSB) desentendeu-se com o vereador Paulino Avícola, egresso do DEM, que foi o mais votado nas eleições de 2008 com mais de 1.600 votos.

Zezito deu um altimato ao prefeito: “Ou ele ou eu”. Como Nemias não quis desagradar ao vereador, o vice passou-se para a oposição e trabalhou dobrado. Com isso, o veterinário José Carlos acabou derrotando por 1.100 votos de diferença a candidata do PSB Anne Lyra.

Comente sobre isto

INDÚSTRIA: “FÁBRICA DA FIAT É O MAIOR INVESTIMENTO PRIVADO NO PAÍS”

Por em 5 de novembro de 2012

O senador Armando Monteiro participou nesta segunda-feira (5) de audiência pública em Goiana, na Zona da Mata Norte de Pernambuco, para discutir o impacto ambiental da implantação da Fábrica da Fiat no município. Segundo Armando, “esse é o maior investimento do setor privado industrial do país” e, portanto, é muito importante que se discuta com a sociedade todos os aspectos de sua implantação, econômicos sociais e ambientais.

A audiência pública reuniu diretores da Fiat no Brasil, representantes do Governo de Pernambuco, sobretudo da Agência Estadual de Meio Ambiente (CPRH), e entidades da sociedade, como sindicatos de trabalhadores, federações e associações.

Durante a abertura do evento, Armando Monteiro elogiou a preocupação dos responsáveis pela implantação do projeto com seu impacto ambiental. “Essa preocupação não é apenas do grupo empreendedor, mas de toda a comunidade de Goiana e de todas as autoridades e agentes públicos de Pernambuco, na busca pelo desenvolvimento socialmente e ambientalmente equilibrado desse grande empreendimento”, ressaltou.

“Creio que a forma como esse processo vem se desenvolvendo garantirá, sem nenhuma dúvida, o êxito desse empreendimento altamente dinamizador da região e da economia de Pernambuco”, acrescentou o senador Armando Monteiro. (Foto: Roberto Pereira Jr.)

Comente sobre isto

EDUARDO PRESTIGIA HOMENAGEM AO MINISTRO DJACI FALCÃO, PATRONO DO TRF

Por em 5 de novembro de 2012

 O governador Eduardo Campos prestigiou na manhã desta segunda-feira (05), a homenagem póstuma ao patrono do Tribunal Regional Federal da 5ª Região (TRF5), o ministro Djaci Falcão. A cerimônia marcou a inauguração do busto do magistrado na porta de entrada do edifício-sede do TRF5, no bairro do Recife, e contou com a presença dos principais juristas brasileiros.  

Entre eles, estavam presentes o atual presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) e do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), o ministro Ayres Britto, o presidente TRF5, Paulo Roberto Oliveira Lima, o corregedor-geral de Justiça do CNJ e filho do homenageado, Francisco Falcão e o presidente do Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE), Jovaldo Nunes, além do governador da Paraíba, Ricardo Coutinho.

Na ocasião, Eduardo lembrou que, embora de naturalidade paraibana, foi em Pernambuco que o ministro Djaci Falcão formou-se em Direito e despontou na carreira jurídica. “Aqui foi juiz de direito e desembargador. Depois, serviu ao Brasil no Supremo Tribunal Federal, onde ocupou o mais o importante cargo da carreira jurídica, a presidência da Suprema Corte do nosso país”, ressaltou Eduardo.

“Nada mais justo do que prestar uma homenagem àquele que foi um exemplo de juiz e magistrado, que honrou as melhores tradições do direito pernambucano e nordestino e que haverá de inspirar as nossas gerações de juízes”, concluiu o governador

PERFIL– O ministro Djaci Falcão tornou-se bacharel em direito na UFPE, em 1943, ingressando na magistratura do estado logo em seguida, em 1944. Em 1975, assumiu a presidência do STF, exercendo o cargo até 1977. Ainda presidiu a segunda turma do STF até a aposentadoria, em 1989. Ele morreu aos 92 anos de idade, no dia 26 de janeiro deste ano.

Comente sobre isto

CRÔNICA DO ADEMAR

Por em 5 de novembro de 2012

PESQUISAS ELEITORAIS

Se existem uma coisa que está perdendo o resto da credibilidade esta coisa chama-se pesquisa eleitoral.

A manipulação e o custo das pesquisas seriam duas variáveis suficientes para que houvesse em intervenção dos órgãos fiscalizadores. A cada pleito os erros evoluem e os institutos proliferam como saúva em área de eucalipto.

A credibilidade está com o mesmo grau de segurança que encontramos na garantia das vendedoras de panela de barro nas feiras livres do sertão brasileiro.

Nas últimas eleições tem sido um grande negócio. Pesquise nas prestações de contas o veja que o valor pago pelas pesquisas tem uma variação superior ao aceitável em qualquer atividade.

O mesmo serviço pode ser fornecido por “1x” numa localidade e por “15x” em outro ambiente, observadas as mesmas condições.

Em nome da liberdade de expressão, os pesos pesados da comunicação encomendam pesquisas, publicam de forma e na hora quem bem entendem e jogam margens de erro em quantitativos diferentes dos sugeridos nos modelos estatísticos.

Existe um ditado no mundo financeiro que diz: “Sob tortura os números fazem  milagres”. Este enunciado se faz presente no universo das pesquisas eleitorais em freqüência maior que as traições nas novelas da Globo.

A publicação abusiva dos números de pesquisas viciadas tem encontrado campo fértil na lógica idiota do “voto válido”, quando o eleitor vota em quem está na frente para não perder o voto, para comprometer a lisura dos pleitos em várias situações.

A ferramenta pode ser utilizada internamente pelos partidos e coligações, jamais deve se prestar para alterar resultados e prejudicar candidaturas que não utilizam o mecanismo.

Por: Ademar Rafael Ferreira

Comente sobre isto

COLUNA DO FINFA

Por em 5 de novembro de 2012

Presidência 1 – Detentor de dois mandatos, reeleito para o terceiro, o vereador Vicentinho (PSB) partido do prefeito eleito José Patriota, segue na frente dos seus dois concorrente para a presidência da Câmara de Afogados da Ingazeira, segundo uma fonte Vicentinho já contabilizou a maioria dos votos para chegar ao cargo.

Presidência 2 – Concorrendo a Presidência da Câmara de Afogados da Ingazeira, o vereador eleito Augusto Martins (PTB) disse: “estou a disposição do grupo, se me escolherem estarei pronto”.

Sem Lâmpada – A torre de uma operadora de telefonia celular da Av. Artur Padilha, em Afogados da Ingazeira encontra-se a vários dias sem a lâmpada de identificação.

Aguardar – O Prefeito de Serra Talhada Carlos Evandro (sem partido), já recebeu diversos convites de legendas para se filiar, rumores de que quando da sua vinda a Afogados da Ingazeira o Governador Eduardo Campos pediu que ele desse um tempo para futuramente juntos decidirem.

Susto – O vereador reeleito em Afogados Zé Negão (PSB) teve um susto no sábado (03) quando teve uma crise hipertensiva. Com problemas para controlar o peso, o vereador tem histórico de problemas com a pressão arterial. Zé Negão já se encontra em casa em plena recuperação.

Dilma e os prefeitos
– A presidente Dilma irá apresentar no fim do mês proposta de ajuda financeira a todos os prefeitos, como forma de compensar as perdas que tiveram por causa da crise financeira e, principalmente, pelas desonerações promovidas pelo governo para incentivar o consumo, caso da redução do IPI sobre carros, linha branca e móveis. Duas ideias estão sendo discutidas nos ministérios a pedido de Dilma: a renegociação das dívidas das prefeituras com o INSS, reduzindo juros, multas e mantendo vantagens dadas em parcelamentos anteriores, e o aumento do limite de endividamento, como o Ministério da Fazenda fez recentemente com os estados.

Comente sobre isto

PSB PERDEU O PREFEITO DE TUPARETAMA

Por em 5 de novembro de 2012

Mesmo com o grande numero de prefeituras que fez a direção estadual do PSB deve estar se lamentando até agora pela bola fora que deu em Tuparetama. Os socialistas tomaram a legenda do vereador Dêva Pessoa e entregaram ao ex-prefeito Vitalino Patriota por considerá-lo o nome ideal para derrotar o palanque do prefeito Sávio Torres(PTB). Resultado: Vitalino correu da parada, o PSB se aliou ao palanque governista e sem ganhar nem mesmo a vice, prefeito e ex-prefeito foram derrotados nas urnas por Dêva Pessoa que ingressou no PSD se tornando a grande surpresa da eleição municipal na região do Pajeu. (Anchieta Santos)

Comente sobre isto

COMEÇAM OS JOGOS MUNICIPAIS DE AFOGADOS DA INGAZEIRA

Por em 5 de novembro de 2012

Nesta segunda-feira (05/11), acontece a abertura da sétima edição dos Jogos Municipais de Afogados da Ingazeira. A cerimônia será às 16h no Centro Desportivo Municipal Lúcio Luiz de Almeida. O evento é realizado pela prefeitura, por meio da Secretaria de Educação do município.

Participam dos Jogos as escolas da rede municipal de ensino, estadual e particular de Afogados. Estudantes de até 12 anos de idade disputam as modalidades individuais e coletivas, como natação, xadrez, atletismo, basquete, futsal, handebol e vôlei.

A ideia é proporcionar aos estudantes a disputa nos Jogos Municipais, já que não participam dos Jogos Regionais devido a idade limite, que é a partir dos 12 anos. As competições vão até a próxima quinta-feira (08/11).

Comente sobre isto

MENSAGEM DO LEITOR

Por em 5 de novembro de 2012

Um sonho transformado em realidade! Parabéns por esta conquista! Sucesso! Que você seja um transmissor de notícias com ética e clareza. Que Deus te ilumine.

Um grande abraço do amigo

Luciano Alves
Afogados da Ingazeira

Comente sobre isto

O XADREZ DO PSB

Por em 5 de novembro de 2012

O nome do deputado federal Fernando Bezerra Filho aparece, há algum tempo, cotado para ocupar a liderança do PSB na Câmara Federal. Os deputados Júlio Delgado (PSB/MG) – cogitado como candidato à presidência da Casa – e Márcio França (PSB/SP) já demonstraram simpatia pela opção do pernambucano para líder. Da mesma forma, há um clima, nas hostes socialistas, em prol da candidatura de Delgado e ele tem demonstrado disposição para levar isso adiante. O PSB cresceu, após o pleito de 2012, o que dá razões para que a sigla busque um espaço maior. Tem, de quebra, o partido irmão, PSD, com o qual poderia formar um bloco, ampliando seu poder de barganha. Mas as perspectivas na legenda do governador Eduardo Campos podem mudar completamente. E os próximos passos vão depender do tipo de jogo que o PT montará. Há uma tendência, entre os socialistas, de não gerar atritos com os petistas. Aí, entra outro ingrediente: o presidente nacional do PSD, o prefeito Gilberto Kassab (SP), no ano que vem, precisará ter acesso a alguma estrutura no Governo Federal. Nos corredores de Brasília, fala-se que a presidente Dilma poderia juntar as pastas de Portos e Aeroportos e colocá-las sob o comando de Kassab. Em compensação, ofereceria outra opção ao PSB, já que Portos, hoje, é gerida por Leônidas Cristino, indicado por Ciro Gomes.

Por: Renata Bezerra de Melo –  Folha PE

Comente sobre isto

GOVERNADORES ELEGEM MAIS ALIADOS NO NORDESTE

Por em 5 de novembro de 2012

Governadores no segundo mandato, Cid Gomes (PSB-CE), Eduardo Campos (PSB-PE) e Jaques Wagner (PT-BA) conseguiram elevar, em seus Estados, o número de prefeitos de suas legendas em 2013.

Em relação a 2008, o aumento do exército de prefeitos à disposição dos três foi proporcionalmente o maior entre todos os governadores ou partidos que comandavam gestões estaduais naquele ano e continuam no poder.

Cid e Campos conseguiram eleger os candidatos à prefeitura das capitais de seus Estados mesmo enfrentando o PT, que tentava se manter em Fortaleza e Recife e contou com o ex-presidente Lula.

Já Wagner, mesmo tendo Lula a seu lado, não teve o mesmo sucesso em Salvador, onde os petistas foram derrotados por ACM Neto (DEM).

Mas, no interior baiano, o PT do governador elegeu 41% mais prefeitos –passando de 66 para 93 cidades. Wagner venceu no segundo turno em Vitória da Conquista, polo no sudeste do Estado.

BASE MAIOR

Com toda a base aliada, o governador contabiliza agora o apoio em 332 dos 417 municípios do Estado: “Não digo que partido será critério para vir ou deixar de vir obra, mas jogar num mesmo time é mais fácil”, disse Wagner.

Na direção contrária, o PSDB do governador Geraldo Alckmin perdeu 29 cidades em São Paulo. Foram eleitos 176 tucanos neste ano, contra 205 em 2008 (queda de 14%). O partido ainda perdeu a disputa pela capital do Estado.

Os governadores de Minas, Antonio Anastasia (PSDB), e do Rio, Sérgio Cabral (PMDB), conseguiram eleger correligionários nas capitais no primeiro turno, mas terão menos aliados no interior.

No Acre, o governador Tião Viana (PT) conseguiu manter a prefeitura da capital nas mãos de um petista. No geral do Estado, porém, o partido caiu de 12 para 5 prefeituras.

A contagem de eleitos por partido desconsidera eventuais coligações que os governadores tenham feito em algumas cidades, mas ajuda a medir a influência dos mesmos em seus Estados.

O PSB teve bom desempenho no país, em especial no Nordeste. Ainda assim, o saldo positivo foi ainda maior no Ceará e em Pernambuco, governados por Cid e Campos.

O PSB começou 2009 à frente de 48 prefeituras pernambucanas. Em 2013, serão 58, ainda que Petrolina tenha ficado de fora. No Ceará, o número saltou de 22 para 41.

Cid, Campos e Wagner também não perderam, de 2008 para 2012, cidades influentes.

O PSDB paulista se manteve no poder em Sorocaba, mas deixou para o PT as prefeituras de São José dos Campos e Jundiaí, cidades governadas há 16 anos por tucanos. 

Comente sobre isto

LEONARDO NA BRIGA PELA PRIMEIRA-SECRETARIA DA ALEPE

Por em 5 de novembro de 2012

A 40 dias para a votação da nova composição da Mesa Diretora da Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe), a sensação de inquietude começa a pairar sobre os parlamentares, assim como o desejo de renovação. Os partidos estão se reunindo para discutirem os nomes mais viáveis para a renovação da comissão e alguns postos começam a ser mais visados, como é o caso da primeira-secretaria, hoje comandada pelo deputado João Fernando Coutinho (PSB).

O socialista não pretende deixar o cargo e, precavido, conseguiu o apoio de 40 parlamentares, caso haja disputa no plenário. O que se comenta na Casa é que muitos não aprovam a gestão de João Fernando, mas vêem com bons olhos a indicação do também socialista Leonardo Dias. Por este motivo, Dias já vem conquistando um número significativo de simpatizantes dentro da bancada do seu partido.

Para o deputado Vinícius Labanca (PSB), no entanto, ainda é cedo para fazer qualquer tipo de previsão acerca dessa disputa. Ele reforça que, como o voto é secreto, muita coisa pode acontecer. “Acredito que qualquer um dos colegas que se sinta capaz de posicionar-se como um nome forte à Mesa Diretora, dentro da proporcionalidade, tem o direito de se colocar à disposição”, afirmou Labanca. Contudo, Labanca preferiu não comentar sobre a suposta oposição ao correligionário como secretário, mas ressaltou que a posição de primeiro-secretário tem muito destaque e importância dentro da Assembléia. Então, seria natural não ter o agrado de todos.

Por outro lado existem aqueles que não acreditam na viabilidade da candidatura de Leonardo Dias. “João Fernando Coutinho foi eleito por unanimidade. Mesmo assim, no meio de 49 parlamentares, existem aqueles que acham a posição de primeiro-secretário privilegiada e almejam o cargo. Manter Coutinho no posto é de interesse do Palácio, e vendo dessa forma será mais plausível Leonardo recuar”, declarou uma fonte em reserva. Ainda nos bastidores, só o presidente Guilherme Uchôa (PDT) e Fernando Coutinho seriam mantidos nos cargos atuais. Por não ter forças dentro do partido, o deputado Marcantônio Dourado (PTB) seria substituido pelo seu correligionário Julio Calvancati, nome mais indicado para ser o novo 1º vice-presidente.

Entre o PT e PSDB haveria uma troca de posições, o 2º vice-presidente Edson Vieira (PSDB) seria trocado pelo deputado petista André Campos. Os tucanos teriam espaço como segundo secretário, substituindo Sérgio Leite (PT) por Claudiano Martins. O terceiro-secretário manteria o partido – PR -, mas em vez de Henrique Queiroz entraria Sebastião Oliveira. O bate-chapa ficaria entre  Eriberto Medeiros (PTC) e o deputado Rodrigo Novaes (PSD) para o cargo de 4º secretário. Novaes poderia disputar a preferência de seu partido com Francismar Pontes (PSD).

Comente sobre isto

PT PRESTES A ADERIR À BASE DE GERALDO JÚLIO

Por em 5 de novembro de 2012

Quase um mês após o primeiro turno das eleições no Recife, o PT ainda não conseguiu lidar com seus conflitos internos. Mas algumas decisões importantes podem estar se aproximando. Um petista afirmou, em reserva, que o diretório do partido deve se reunir ainda nesta semana para debater questões de nível municipal, tais como a situação da aliança com o PSB. De acordo com a fonte, a tendência da legenda é integrar a base do prefeito eleito Geraldo Julio (PSB), apesar dos desentendimentos do processo eleitoral entre o candidato petista, Humberto Costa, e seu vice João Paulo, com os socialistas. “João Paulo e Humberto Costa são vozes isoladas”, afirmou a fonte.

O deputado federal Fernando Ferro (PT) também acredita na manutenção da aliança PT-PSB na Capital. “Nós temos uma aliança com o PSB a nível estadual e nacional. Pelo que sinto, o entendimento da maioria é de evitar a criação de uma dissidência municipal quando estamos coligados nacionalmente”, contou o deputado. Mas o parlamentar lembrou que a decisão deve ficar nas mãos do diretório municipal.

Outro ponto que carece de definição é a situação do atual prefeito do Recife, João da Costa (PT), dentro da legenda. Integrantes das tendências Construindo um Novo Brasil (CNB) e Articulação de Esquerda (AE), ligadas, respectivamente, a Humberto e João Paulo, têm defendido a expulsão do prefeito do PT. O motivo seria infidelidade partidária, já que o grupo acusa João da Costa de ter apoiado informalmente o candidato socialista na disputa municipal. A CNB estaria aguardando o fim do mandato para pressionar a definição da expulsão.

Por outro lado, João da Costa tem se movimentado para garantir sua permanência no partido. O prefeito quer concorrer ao comando do diretório municipal da legenda e está articulando sua participação no Processo de Eleições Diretas (PED), previsto para ocorrer em 2013. A disputa interna já se refletiu em novas filiações: no encerramento do prazo para o ingresso de membros que pretendem votar no PED, no Recife, teve 23 mil pessoas cadastradas, a maioria ligadas ao prefeito.

Aniversário
Em meio a este cenário de brigas, João da Costa irá comemorar seu aniversário. O gestor completa amanhã 52 anos, e receberá os cumprimentos em seu gabinete, das 11h às 13h. Haverá um bolo para trezentos convidados.

Comente sobre isto

O FILME

Por em 5 de novembro de 2012

Conhecido no Sertão do Pajeú por seu alinhamento com a ala progressista da Igreja Católica, o bispo de Afogados da Ingazeira, Dom Egídio Bisol, trouxe os seminaristas de sua Diocese para assistirem no Recife, no final de semana, ao filme “Gonzaga de pai para filho”. (Fogo Cruzado)

Comente sobre isto

A HORA DE MENDONÇA

Por em 5 de novembro de 2012

Com o nome de Armando Monteiro Neto ventilado para substituir Roberto Jefferson – hoje licenciado – na presidência nacional do PTB, já chegou a ser cogitado um sucessor para o senador no Estado. Considerou-se o nome do presidente estadual do DEM, Mendonça Filho, para assumir a presidência do PTB, na hipótese de fusão com o DEM. (Folha Política)

Comente sobre isto